A floresta das fadas que era tão linda...

A Bialowiezcca Puszcza é o último trecho de floresta primária da Europa. O bosque fica na fronteira da Polônia com a Bielo-Rússia.

O jornalista americano Alan Weisman abre com uma viagem à essa floresta seu instigante livro “O mundo sem nós”, onde divaga sobre como ficaria o planeta se os humanos evaporassem subitamente.
A floresta sobreviveu à formação dos países europeus, aos tsares, aos nazistas, à opressão de Stalin e até à abertura econômica,
que expôs as árvores seculares às madeireiras internacionais.

O bosque ainda tem árvores de 50 metros e fungos do tamanho de jarros. “Carvalhos crescem envolvidos por meio milhão de musgos”. Um dia, a Europa toda foi assim. Esse é o cenário onde passam as fábulas de Grimm e todas as histórias arquetípicas eternizadas pela Disney, como a da Branca de Neve ou da Cinderella. Ou seja, esse trecho de floresta das fadas ainda existe, mesmo que você não acredite em seres sobrenaturais. Afinal, sobrenatural mesmo é que esse cantinho original tenha escapado ileso ao longo dos séculos.

Ainda bem...

Mas poderiam haver mais "cantinhos" como esse... que coisa mais feia

Nenhum comentário: