Sorvete

Eu trocaria uma refeição por uma taça de sorvete. Há tantos sabores para escolher que não dá para enjoar.
E você ainda pode criar entre sabores a combinação que melhor agrade o seu paladar.
Qualquer estação do ano é favorável para degustar essa iguaria milenar.
Pois é, o sorvete não precisou esperar a invenção do refrigerador para ser criada.



Um pouco de história:

A China foi a percussora dessa delícia. Há cerca de 3000 anos, os chineses misturaram neve com melados de frutas fazendo o que seria o primogênito dos sorvetes. Sem o ingrediente leite, outras nações foram desenvolvendo a iguaria em seus reinos, que era estocada, por exemplo, em potes de barro guardados em profundos poços cavados nas neves. Ao longo do século XIII, o sorbet* foi apresentado para a elite européia e sofisticando o seu preparo, inclusive com a adição do leite, o que tornava o sorvete uma iguaria mais cremosa. No final do século XVIII, os sorvetes cremosos ganharam popularidade e alcançaram fama nos Estados Unidos, onde no fim do século XIX nasceram o sundae, a banana split e o milkshake, três receitas símbolos da cultura do país.





“No Brasil, o sorvete ficou conhecido em 1834, quando dois comerciantes cariocas compraram 217 toneladas de gelo, vindas em um navio norte-americano, e começaram a fabricar sorvetes com frutas brasileiras. Na época, não havia como conservar o sorvete gelado e, por isso, tinha que ser tomado logo após o seu preparo. Um anúncio avisava a hora exata da fabricação. O primeiro anúncio apareceu em São Paulo, no dia 4 de janeiro de 1878, contendo a seguinte mensagem: “SORVETES – Todos os dias às 15 horas, na Rua Direita, nº 44″. (blog da ABIS)

O Dia do Sorvete, no Brasil, 23 de setembro, é uma data instituída pela ABIS, Associação Brasileira das Indústrias de Sorvete, e marca o início da Primavera e o aumento das vendas da iguaria.


Sorvete também é alimento:

Do ponto de vista nutricional, sim! É um complemento alimentar, desde que não consumido em excesso. Por exemplo: 100 gramas do tradicional sorvete de creme correspondem a 208 calorias. Sendo que 100g do pãozinho francês do café da manhã



correspondem a 269 calorias. O ingrediente leite nos reserva uma fonte de cálcio e mineral importante à saúde dos dentes e dos ossos. Outras qualidades nutricionais são as vitaminas A, B1, B2, B6, C, D, K.

É claro que combinado com outras delícias e outros sabores não é só o valor nutricional que aumenta, mas as calorias decolam também. Por isso que reafirmando o meu abre do post: Eu trocaria uma refeição por uma taça de sorvete.



Sabores – Alguns sabores fantásticos ou pela simplicidade da combinação ou originalidade ou estranheza:

■ABACAXI AO VINHO – ABOBORA COM COCO - AÇAI
■ALGODÃO DOCE – ARAÇÁ – BUBBALOO – CAFÉ
■CAIPIRINHA – CANELA AO CONHAQUE – CERVEJA
■CHICLETES – CHOCOLATE BRANCO C / LARANJA
■CHOCOLATE COM PIMENTA – COALHADA
■CURRIOLA – DAMASCO COM HIBISCUS
■FIGO COM CONHAQUE – JATOBÁ – MURICI
■MASCARPONE COM MANDORLA E PINOLI
■NATA – PAMONHA – PANETONE – PINA COLADA
■PÉTALAS DE ROSAS C/ CHOCOLATE
■QUEIJO PARMESÃO - TAPERABÁ – WHISKY


* Sobert = de origem francesa, o sobert é um sorvete sem adição de leite, assim como nas primeiras receitas conhecidas, com a base em água e complemento de suco de frutas e/ou melados. Menos cremoso, porém mais macio e granulado do que os sorvetes convencionais, ele é preferido em dietas pois não contém gordura.

Michele Roza

Nenhum comentário: